O que é Abono Salarial – PIS e PASEP


O Abono Salarial é um benefício que os trabalhadores de carteira assinada recebem todos os meses. Todas as pessoas que recebem até dois salários mínimos por mês têm direito a receber este privilégio.

Em períodos de crise, esse benefício pode ser considerado uma grande ajuda para os trabalhadores, entretanto é preciso ficar atento, uma vez que existem alguns prazos que precisam ser cumpridos para que as pessoas não percam esse direito.

O que é PIS e PASEP?

Quando pensamos em como esse abono salarial é transmitido para o trabalhador, temos que pensar primeiramente na diferença entre trabalhadores do setor privado e trabalhadores do setor público.

Com isso em mente, para aqueles que recebem salários advindos do setor publico o benefício é pago pela Caixa Econômica Federal através do Programa de Interação Social, conhecido como PIS.

Já para os trabalhadores do setor público é preciso ter um cadastro no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, ou PASEP, cujo o pagamento é feito pelas agências do Banco do Brasil.

Como resgatar o Abono Salarial – PIS e PASEP

Para informações sobre como receber o pagamento do seu abono salarial, primeiramente é necessário buscar quais são as datas de que o benefício pode ser recebido.

O PIS, o qual deve ser retirado nas unidades da Caixa Econômica Federal, o saque é efetuado em concordância com o mês de aniversário.

Já o PASEP o saque é feito nas agências do Banco do Brasil e benefício é recebido de acordo com a sal inscrição no programa.

De toda forma tanto o PIS quanto o PASEP o calendário de pagamento é iniciado no mês de julho do ano-base, indo até o próximo mês de junho do ano seguinte. Para ilustrar como é feito o pagamento do benefício podemos pensar da seguinte forma: O benefício referente ao mês de 2017 poderá ser sacado a partir de julho de 2018 até junho de 2019.

Como é feito o calculo do valor do abono salarial?

O calculo do benefício que será recebido através do abono salarial é feito através de uma conta que pode variar de 1/12 de um salário mínimo até um salário mínimo completo. Isso é feito dependendo do tempo de serviço do trabalhador ao longo do ano-base.

Trocando em miúdos, o cálculo é feito multiplicando-se o período de meses trabalhados pelo valor do salário mínimo durante o período, dividido por 12, que correspondem ao período de meses em um ano.

Vamos considerar o seguinte quadro para entendermos como é feito o calculo do abono salarial. Um trabalhador foi contratado em abril, portanto trabalhou durante 9 meses em uma empresa, o calculo do valor do abono será = 9 x 937/12, ou seja R$ 702.75. Para este caso específico o valor do abono será de R$703, uma vez que o valor dos centavos sempre será arredondado para cima).

Qual é o procedimento para sacar o abono salarial

Os trabalhadores que são enquadrados dentro do PIS, ou seja, são funcionários de empresas privadas, devem sacar o seu abono nas agências da Caixa Econômica Federal, a qual apresenta três possibilidades para a retirada do seu abono.

Primeiro são para os próprios correntistas da Caixa, dessa forma o valor será creditado automaticamente na data que é mostrada dentro do calendário.

A segunda forma é para os que não apresentam conta na Caixa, mas apresentam o Cartão Cidadão. Uma vez em posse do cartão é possível efetuar o saque nos caixas eletrônicos, casas lotéricas ou em unidades que são correspondentes da Caixa Econômica.

E a terceira opção é voltada para os trabalhadores que não se enquadram nas opções acima. Neste caso é preciso se dirigir a uma agencia da Caixa com o seu número do PIS e algum documento de identificação (original) e que apresente uma foto recente. Assim será possível fazer o saque do seu abono.

Já para os trabalhadores que são beneficiados pelo PASEP, o Banco do Brasil apresenta opções semelhantes à da Caixa. Ou seja, podem receber o valor do abono diretamente na folha de pagamento, de acordo com a data do calendário. Podem receber o crédito direto em sua conta corrente do BB, ou efetuar o saque nas agências do BB, através da apresentação do número do PASEP e documento de identidade original e com foto.